Buscar
  • Comunicado ao Mercado

Natura descontinua Guidance e informa Receita Líquida não auditada do 3T20

A Natura &Co Holding S.A. - (#NTCO3), informou em 30 de setembro de 2020, que não irá divulgar o guidance da empresa e ainda informou a receita líquida não auditada conforme segue:


Descontinuidade de Projeções


Os administradores da Companhia optaram por descontinuar a divulgação de projeções financeiras (guidance), tendo em vista a necessidade de alinhamento de sua política de divulgação de projeções com os procedimentos adotados por seus auditores independentes e demais consultores no âmbito de oferta pública de ações, com esforços restritos de colocação divulgada em Fato Relevante de 30 de setembro de 2020.

Desta forma, quaisquer considerações sobre estimativas e declarações futuras relativas aos planos, expectativas sobre eventos futuros, estratégias e tendências JUR_SP - 38271507v3 - 2324006.456197 financeiras que afetam as atividades da Companhia, incluindo quaisquer projeções anteriormente divulgados, os quais envolvem riscos e incertezas e, portanto, não

são indicativas ou constituem garantias de resultados futuros, não devem ser considerados pelos investidores para fins de embasar sua decisão de investimento na Oferta.


Receita Líquida Preliminar (NÃO AUDITADA) do 3º Trimestre de 2020


Adicionalmente, a Companhia atualizou seu Formulário de Referência de modo a inserir sua melhor estimativa da receita líquida preliminar, não auditada, para os três meses encerrados em 30 de setembro de 2020.

Em vista do acima, a Companhia informa que a receita líquida total para os três meses findos em 30 de setembro de 2020 deve crescer entre 25% e 30% considerando o mesmo período do ano passado, em uma base pro forma, após considerado o efeito da aquisição da Avon no mesmo período de três meses, representando entre R$ 9,9 bilhões e R$ 10,3 bilhões. Em uma base de moeda constante, representa um crescimento entre 5% e 10% em comparação ao mesmo período do ano passado.

A receita líquida para o trimestre encerrado em 30 de setembro de 2020 é preliminar, não foi auditada, está sujeita a finalização e reflete as visões atuais da administração da Companhia. Adicionalmente, informamos que tais valores podem ser alterados devido a uma revisão dos resultados por nossa administração e, dentre outros fatores, por uma ampla variedade de riscos e incertezas significativos em relação aos nossos negócios, cenário econômico e questões competitivas.

Essa receita líquida preliminar para o trimestre encerrado em 30 de setembro de 2020 está sujeita à finalização e fechamento dos livros e registros contábeis (que ainda não foram realizados) da Companhia, e não deve ser vista como um substituto para as demonstrações financeiras trimestrais completas preparadas de acordo com IFRS. A Natura adverte que essa receita líquida preliminar para os três meses encerrados em 30 de setembro de 2020 e a taxa de crescimento da receita líquida em comparação com o mesmo período em 2019 não deve ser interpretada como uma indicação de desempenho de qualquer outra rubrica nas demonstrações de resultado e não é uma garantia de desempenho ou resultados futuros e que os resultados reais podem diferir materialmente daqueles descritos acima.



#NTCO3 #Natura #ComunicadoAoMercado

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo